#ad

8 de nov de 2013

Ana Salvagni participa da Bienal do livro de São José dos Campos - 08/11/13



PARQUE DA CIDADE SJCAMPOS - Av. Olivo Gomes, s/n - Santana - Horário de Funcionamento: 06:00hs às 18:00hs - Desde 1996, parte da antiga Fazenda da Tecelagem Paraíba foi transformada em Parque da Cidade, e desde então, tornou-se mais um espaço de lazer para São José dos Campos. Com um total de área de 516.000 m², o Parque possui vários atrativos como lago, ilha artificial e uma ampla área verde ideal para trilhas para caminhadas e por onde circulam animais típicos da região, como as capivaras e garças, que com certeza fazem o visitante sentir-se em um verdadeiro espaço natural.

CLIQUE NO BANNER/VIDEO ABAIXO, ASSIM VC AJUDA A AGENDA CULTURAL EM UM SEGUNDO!
Ajude a Divulgar!! Curta!!!

A arte de Ana Salvagni:

Autora participa da Bienal do livro de São José dos Campos no dia 08 de novembro, com o lançamento do livro de poemas “Fotos do Espelho” e show musical “Fotos do Espelho” é o segundo livro de poemas de Ana Salvagni, que também é cantora e regente formada pelo Instituto de Artes, da Unicamp. Com 72 páginas, o livro traz 30 poemas ilustrados por Eleusina Freitas, com fotos de Isabela Senatore e João Chimenton e texto de apresentação do linguista e poeta Carlos Vogt.

A autora faz o lançamento do livro em São José dos Campos no dia 08 de novembro às 16h, durante a Bienal do Livro, que acontece em conjunto com a 47ª edição da Semana Cassiano Ricardo 2013. Após o bate papo com o público, Ana Salvagni se apresenta ao lado do violeiro Paulo Freire. O show Viola e Voz, que começa às 20h, reúne canções autorais e de domínio público, trabalhadas ao longo de 15 anos de pesquisa e parceria do duo. Paulo Freire, além de violeiro, é também escritor e grande contador de “causos”.

Sobre a autora

Com carreira consolidada na área musical, Ana Salvagni possui três CDs lançados. O mais recente, Alma Cabocla, sobre a obra do compositor Hekel Tavares, conquistou patrocínio da Petrobrás e recebeu o prêmio de Melhor Álbum Regional pelo 21º Prêmio da Música Brasileira, em 2010.

Seu primeiro livro de poesias, Janela sem Tranca, foi lançado em 2006, pela Editora Komedi, prefaciado pelo músico e poeta Chico César e reuniu trabalhos avulsos feitos ao longo dos anos, desde muito jovem, quando já nutria gosto pela linguagem poética.

O novo trabalho tem a figura do espelho como traço norteador, ideia que, assim como sua poesia, nasceu de um momento de inspiração. Ao ouvir de um palestrante que as pessoas, ao mirarem o espelho, recebem a imagem daquilo que sentem em relação a elas mesmas, e não exatamente do que elas veem, Ana sentiu-se convidada à reflexão. “Essa ideia veio bastante ao encontro daquele meu momento de vida: a proximidade dos 40 anos e a necessidade de um olhar aprofundado, um mergulho naquele espelho, refazendo os caminhos percorridos, compreendendo-os melhor, para então seguir adiante”.

Nos sete anos que separam seus dois livros, a autora, além de se dedicar aos projetos musicais, aprofundou este olhar feminino através da escrita e também da leitura de outros autores, dentre eles, Hilda Hilst. O trabalho, para este segundo livro, consistiu em uma maior atenção a cada detalhe, tanto no processo de criação, como nas finalizações, o que é comentado da seguinte maneira por Carlos Vogt, no texto de apresentação da obra:

“A poesia de Ana Salvagni tem a singeleza e a simplicidade das cenas familiares em que pessoas, animais, objetos, casa e paisagem estão lá porque estiveram antes e vão estar depois. Mas tem também, com essa descrição posta em sossego, as dobraduras da pergunta para se saber por que as coisas simples, sendo assim tão simples, doem tanto para se entender.”

A Semana Cassiano Ricardo

A 47ª edição da ‘Semana Cassiano Ricardo: um poeta contemporâneo’ acontece até 10 de novembro na cidade de São José dos Campos. Pela primeira vez será realizada em conjunto com a Bienal do Livro, uma parceria com a Secretaria Municipal de Educação para valorizar o incentivo à leitura e à literatura.
Ao todo serão realizadas mais de 60 atividades como exposições, oficinas literárias, narrativas de histórias, saraus, shows musicais e outras atrações em casas de cultura, biblioteca, teatros, escolas, parques, entre outros espaços.

O jornalista, poeta e ensaísta Cassiano Ricardo foi um dos líderes do movimento pela Semana de Arte Moderna de 1922, participando ativamente dos grupos "Verde Amarelo" e "Anta", ao lado de Plínio Salgado, Menotti del Picchia, Raul Bopp, Cândido Mota Filho entre outros artistas. Nasceu em São José dos Campos em 26 de julho de 1895 e faleceu no Rio de Janeiro em 14 de janeiro de 1974. Entre as obras de Cassiano estão: “A flauta de Pã” (1917), “Vamos caçar papagaios” (1926), “Borrões de verde e amarelo” (1927), “Martim Cererê” (1928), “O sangue das horas” (1943), “Um dia depois do outro” (1947) e “Jeremias sem-chorar” (1964).

Serviço

Lançamento livro “Fotos no Espelho” de Ana Salvagni - Dia 08/11 às 16h
Show musical com Paulo Freire e Ana Salvagni – Viola e Voz - Dia 08/11 – às 20h
Bienal do Livro – São José dos Campos
Local: Tenda Cultural: Avenida Olivo Gomes, 100 – Pq. da Cidade
Entrada Gratuita 



"Os Eventos são de inteira responsabilidade dos envolvidos (estabelecimento, artistas...), a Agenda Cultural apenas divulga o que nos é passado. Eventos sujeitos a alteração de data, horário e local. Mais informações favor confirmar com o local indicado. Muito Obrigada."  


PARCEIROS: