#ad

2 de dez de 2013

Busca pela natureza de sentimentos é o objetivo de “Essência” a exposição do Helena Calil até 21/12/13



ESPAÇO DAS ARTES HELENA CALIL - Espaço Cultural São Benedito - Largo São Benedito, s/nº - Centro (próximo à Praça Afonso Pena). Informações: (12) 3924-7206 - hcalil@fccr.org.br - 2ª a 6ª, das 9h às 18h, aos sábados, das 9h às 13h - É difícil imaginar que a pequena entrada – de apenas 6m² - do Espaço das Artes Helena Calil conduza a um local com mais de 400 m², que oferece oficinas de artes plásticas e realiza exposições temporárias de artistas da cidade. O Espaço conta com amplas salas para exposições e três ateliês - onde são realizadas as oficinas - além de um jardim arborizado com antigas palmeiras e uma belíssima fonte de água, que completa o ambiente das artes.A Fundação Cultural mantém oficinas voltadas exclusivamente para as artes plásticas, onde atende cerca de 60 alunos por mês. O Espaço recebe, em média, 500 visitantes, em exposições mensais que reúnem trabalhos de arte contemporânea e abstrata de artistas da cidade e região


CLIQUE NO BANNER/VIDEO ABAIXO, ASSIM VC AJUDA A AGENDA CULTURAL EM UM SEGUNDO!
Ajude a Divulgar!! Curta!!!
Pode a essência se comunicar através de um olhar silencioso? Com essa inquietação a arquiteta Shirley Soares produziu “Essência”, exposição que entra em cartaz na Galeria de Artes Helena Calil (Largo São Benedito, s/nº) nesta segunda-feira (2) e segue até o dia 21 de dezembro. A partir dessa pergunta a artista Shirley Soares cria personagens representados por meio de sentimentos, inquietações, dúvidas, sonhos e certa dose de realidade. Composta por 24 desenhos com caneta esferográfica gel (a base de água), tinta acrílica e colagem em papel e ainda cinco telas em tinta acrílica, “Essência” é a busca pessoal da artista em representar a natureza íntima de alguns sentimentos. “Com os olhos fechados e de forma silenciosa é que muitas vezes dizemos o mais importante. A busca constante e a urgência em evoluir, fazem com que nosso foco, seja calibrado constantemente para alcançar algo que parece distante e muitas vezes inatingível”, explica a artista. Nas obras, o destaque para o terceiro olho, que ilustra essa busca, o olhar pela mente.  Natural de São José dos Campos, Shirley Soares é arquiteta e sempre buscou nas artes plásticas, de forma autodidata e intuitiva, uma maneira de retratar e observar o mundo a sua volta. A artista faz parte do Coletivo Chicas, que se dedica a um trabalho conceitual e autoral em plataformas variadas e já expôs em São José dos Campos e Taubaté. 



"Os Eventos são de inteira responsabilidade dos envolvidos (estabelecimento, artistas...), a Agenda Cultural apenas divulga o que nos é passado. Eventos sujeitos a alteração de data, horário e local. Mais informações favor confirmar com o local indicado. Muito Obrigada."  


PARCEIROS: