#ad

18 de mar de 2014

Vicentina Aranha exibe "Chega de Saudade" nesta terça (18)


Dirigido por Laís Bodansky, "Chega de Saudade" será destaque na programação do Parque Vicentina Aranha (Rua Engenheiro Prudente Meireles de Moraes 302 – Vila Adyana) nesta terça-feira (18), às 19h30. Além da exibição do filme, também haverá a participação especial da fotógrafa Beatriz Lefèvre, que vai conversar e expor fotos da documentação da obra. A entrada é franca.

Mesclando comédia e drama, ”Chega de Saudade” aborda o amor, a solidão, a traição e o desejo, num clima de muita música e dança. A história se passa em uma noite de baile, em São Paulo. A trama começa ainda com a luz do sol, quando o salão abre suas portas, e termina ao final do baile, pouco antes da meia-noite. 

O filme conta histórias de cinco núcleos de personagens que frequentam o local. Entre eles estão: a viúva Alice (Tônia Carrero), que vive com a memória fraca e o aposentado Álvaro (Leonardo Villar), antigo pé de valsa do salão, que agora está contundido e rabugento; Elza (Betty Faria), uma mulher carente que precisa lidar com a frustração de não ter um par; a assanhada Rita (Clarisse Abujamra), uma dançarina com a libido à flor da pele; Marici (Cassia Kis Magro), uma mulher que sofre em silêncio com o marido galinha, Eudes (Stepan Nercessian), além da jovem Bel (Maria Flor), namorada de Marquinhos (Paulo Vilhena), o técnico de som da casa.

Desde o momento em que o salão abre suas portas até o fechamento, pouco após a meia-noite, as diversas histórias de amor, solidão e traição desses personagens são contadas no embalo de belas canções nacionais e internacionais.